Marcada manifestação na Cisjordânia contra proposta de Macron

por RTP

Depois de o presidente francês sugerir a criação de uma coligação internacional para combater o Hamas, como tinha sido feito contra o Estado Islâmico, foi convocada uma manifestação em Ramallah, na Cisjordânia, junto à sede da Autoridade Palestiniana, para contestar a proposta de Emmanuel Macron.

Surgiram informações de que Macron pretendia ir a Ramallah, mas agora é considerado pouco provável que o faça.

Entretanto, o Ministério da Saúde atualizou o número de mortos na Faixa de Gaza para 5.791. Nas últimas 24 horas, terão morrido 704 pessoas neste território.

O Hamas diz estar pronto com 35 mil combatentes para receber uma ofensiva terrestre de Israel.
pub