Nigéria. Homem morre após resgatar 13 pessoas de acidente de barco

| Mundo

|

Após um barco com 24 pessoas a bordo embater contra um objeto, Joseph Blankson, de 36 anos, não pensou duas vezes em pular para água para resgatar uma pessoa após a outra. No entanto, as autoridades da Nigéria confirmaram que Blankson foi a única vítima mortal do acidente. O homem morreu de exaustão após resgatar 13 pessoas.

Um porta-voz da polícia de Rivers State, Nnamdi Omoni, confirmou à CNN que o acidente aconteceu quando um barco de passageiros, que transportava 24 pessoas, chocou contra um objeto.

Blankson conseguiu retirar 13 pessoas do rio. Enquanto tentava salvar a 14ª pessoa, Blankson afogou-se tragicamente. Várias outras pessoas que estavam nas proximidades intervieram para ajudar a resgatar as 10 pessoas restantes.
"Era um homem amoroso e atencioso, um pai muito bom para os nossos filhos. Colocava as pessoas em primeiro lugar. Era altruísta", disse a esposa da vítima ao jornal nigeriano TushSpot.Segundo a esposa, Blankson foi para a aldeia e embarcou no barco com as irmãs, que acabaram por sobreviver ao acidente.

"Estava em casa à espera que ele voltasse do trabalho porque trabalha aos sábados. Depois do trabalho, foi para a aldeia e, quando lhe liguei às duas da tarde, o telefone estava desligado”, disse Mercy.

"Normalmente, quando [Blankson] viajava, faziamos videochamadas. No sábado passado, uma semana após ir embora, o meu filho estava muito triste. Sentiu tudo emocionalmente. E minha filha chorou porque sabe que algo está errado”, frisou Mercy. 

"O meu filho tem-me perguntado sobre o pai. Sempre que estou a falar com alguém no telefone, pergunta 'mãe é o meu pai? Posso ver o meu pai?", acrescentou a esposa da vítima. Uma semana após a trágica morte, Mercy diz que os filhos continuam a perguntar pelo pai.

Com um menino de quatro anos e uma bebé de sete meses, a jovem viúva, que mora em Port Harcourt, no sul da Nigéria, confessa que não será fácil cuidar sozinha dos filhos, uma vez que se encontra desempregada e o marido era o único "ganha-pão" da família.

Mercy espera que o governo a ajude e que as pessoas lhe deem oportunidades de emprego. Vários representantes do governo do estado de Rivers já a visitaram. 

Tópicos:

Acidente, Barco, Passageiros, Nigéria,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma parte central da Ponte Morandi, em Génova, Itália, desabou na manhã de terça-feira durante uma tempestade. Morreram dezenas de pessoas.

    É um desejo antigo do Homem poder tocar as estrelas. Um feito que parece ser agora "quase" alcançável através da missão espacial solar Parker.

      Entre as 21h00 de domingo e as 8h00 de segunda-feira, o mundo viu uma chuva de Perseidas, espetáculo habitual em agosto. Nos locais mais remotos, foi possível admirar melhor o fenómeno.

        Uma semana depois de as chamas deflagrarem em Monchique, a Proteção Civil deu o incêndio como dominado e em fase de resolução. Portugal volta a ser o país com mais área ardida na Europa.