Oito mortos na Índia devido ao mau tempo

por Lusa
O mau tempo já fez oito vítimas na Índia Francis Mascarenhas - Reuters

Oito pessoas morreram devido ao mau tempo na Índia, devido à aproximação à costa leste do país do ciclone Michaung, que deve atingir nas próximas horas o estado de Andhra Pradesh, informaram hoje fontes policiais.

As oito vítimas registadas na cidade de Chennai incluem a morte por eletrocussão de um homem de 50 anos. As outras mortes foram causadas pela queda de ramos ou desmoronamento de estruturas, informou a polícia da Grande Chennai, no estado de Tamil Nadu, em comunicado.

De acordo com o último boletim do Departamento Meteorológico da Índia (IMD, na sigla em inglês), a tempestade ciclónica severa encontra-se a cerca de 70 quilómetros da cidade de Nellore, no vizinho estado de Andhra Pradesh, onde se espera que o Michaung atinja o solo nas próximas horas.

O ciclone é atualmente acompanhado por ventos sustentados de 90 a 100 quilómetros por hora e rajadas até 110 quilómetros por hora, segundo o IMD.

As autoridades declararam alerta vermelho em vários distritos de Andhra Pradesh e Tamil Nadu, retirando também milhares de residentes em zonas baixas, suscetíveis de inundações.

A forte precipitação na segunda-feira obrigou à suspensão de dezenas de voos e à interrupção das operações no aeroporto de Chennai, cuja pista ficou completamente coberta de água, afetando ainda a circulação rodoviária na cidade e obrigando ao encerramento de dezenas de estações de metro.

A isto juntou-se o cancelamento de 60 comboios da East Coast Railway, informou a companhia ferroviária na rede social X (antigo Twitter).

Os ciclones são uma ocorrência comum ao longo da costa indiana. O Biparjoy, em junho, causou pelo menos dois mortos no noroeste da Índia, enquanto o Tauktae, um dos mais violentos a atingir a costa oeste do país asiático nos últimos anos, foi responsável por pelo menos 145 mortes em 2021.

 

Tópicos
pub