Partido do primeiro-ministro Modi lidera contagem de votos na Índia

| Mundo

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, e o seu partido nacionalista hindu lideram hoje a contagem de votos nas legislativas do país.

Às 10:05 (05:35 em Lisboa), o Partido Bharatiya Janata (BJP, ou Partido do Povo Indiano, no poder) liderava a contagem em 277 círculos eleitorais, enquanto o seu principal rival, o Congresso Nacional Indiano, dominava em 55, de acordo com o `site` da comissão eleitoral indiana.

A câmara baixa do Parlamento indiano conta 542 lugares, sendo que para formar governo um partido ou coligação precisa de 272 assentos.

A contagem dos votos arrancou às 08:00, depois de um escrutínio organizado em sete fases.

Durante seis semanas, entre abril e maio, 67% dos 900 milhões de eleitores indianos participaram na maior eleição já realizada no país.

As eleições tiveram início em 11 de abril, e foram vistas como um referendo a Modi, cujas reformas económicas não tiveram grande êxito, mas muito popular no país de 1,3 mil milhões de pessoas.

Com 68 anos, o filho de um vendedor de chá em Gujarat (oeste) chegou ao poder em 2014 e enfrentou neste escrutínio vários poderosos partidos regionais e o partido do Congresso, liderado pelo herdeiro da dinastia política Nehru-Gandhi, Rahul Gandhi.

De acordo com várias sondagens, divulgadas no domingo, Modi e o BJP vão conseguir um novo mandato de cinco anos.

FST // EJ

Lusa/Fim

Tópicos:

Bharatiya, Gujarat,

A informação mais vista

+ Em Foco

Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

    Entrevista Olhar o Mundo a um dos autores e investigadores militares mais reconhecidos do mundo anglo-saxónico.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.