Putin recebe mercenários Wagner de braços abertos

por RTP

Os antigos presos russos mortos em combate na Ucrânia redimiram-se das suas culpas. É assim que Putin justifica o envio de reclusos para a frente de combate. Depois da morte do chefe do grupo Wagner, o Kremlin procura agora incorporar os mercenários nas Forças Armadas da Rússia.

pub