Resultados finais do referendo na Catalunha: 90,18% a favor da independência

| Mundo

|

O Governo catalão anunciou hoje que o "sim" à independência obteve 90,18% dos votos no referendo de autodeterminação realizado a 1 de outubro, de acordo com os resultados definitivos hoje transmitidos ao parlamento regional.

Segundo a contagem, o "sim" à independência recolheu 2,044 milhões de votos, o "não" obteve 177.547 (7,83%), 44.913 pessoas votaram em branco e 19.719 foram votos nulos, e votaram, no total, 2,286 milhões de pessoas, o que se traduz numa taxa de participação de 43,03% dos eleitores registados.

Uma vez proclamados os resultados oficiais do escrutínio, a chamada Lei do Referendo, que o parlamento catalão aprovou a 06 de setembro e que foi suspensa pelo Tribunal Constitucional espanhol, estipula que a Declaração Unilateral de Independência (DUI) seja emitida num prazo de 48 horas.

Como o fim de semana não é contabilizado para este efeito, o prazo estender-se-á até terça-feira, 10 de outubro, e hoje mesmo a Mesa do Parlamento Regional, que é o seu órgão dirigente, marcou para esse dia, às 16:00 TMG (17h00 de Lisboa) uma comparência no plenário do presidente catalão, Carles Puigdemont.

No papel, a presença do dirigente catalão será apenas para "informar da situação política atual", não havendo qualquer referência à Lei do Referendo suspensa pelo Constitucional, nem a uma eventual Declaração Unilateral de Independência.

Tópicos:

Barcelona, Unilateral Independência,

A informação mais vista

+ Em Foco

O presidente da Câmara dos Comuns é, digamos assim, o equivalente ao presidente da Assembleia da República em Portugal.

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      A entrevista ao ativista de Direitos Humanos para o programa Olhar o Mundo.