Tailândia celebra 70.º aniversário da chegada ao trono do rei Bhumibol Adulyadej

por Lusa

A Tailândia celebra hoje o 70.º aniversário da chegada ao trono do rei Bhumibol Adulyadej, de 88 anos. o monarca há mais tempo em exercício no mundo e considerado uma força unificadora de uma nação muito dividida politicamente.

A efeméride assinala-se numa altura em que o rei se encontra no hospital Siriraj, de Banguecoque, onde tem passado a maior parte da última década, e donde saiu poucas vezes.

A sua mais recente aparição pública foi a 11 de janeiro, numa breve visita ao palácio Chitralada da capital.

Num comunicado, emitido na terça-feira, o Gabinete da Casa Real indicou que o monarca "melhora de forma satisfatória" após ter sido tratado por complicações do foro cardíaco detetadas na semana passada, dias depois de ter recebido cuidados devido a uma hidrocefalia.

O estado de saúde de Bhumibol Adulyadej é um assunto tabu no país devido à lei de lesa-majestade, que blinda a Casa Real contra todo o tipo de acusações e comentários.

Desde que o exército tomou o poder, após um golpe de Estado em maio de 2014, multiplicaram-se os casos relacionados com este delito, que pune com até 15 anos de prisão injúrias à coroa.

As cerimónias para assinalar a efeméride começaram no Palácio Real de Banguecoque, onde 770 monges receberam oferendas de membros do Governo, parlamento e da cúpula das Forças Armadas, numa ação para recolher mérito para o monarca, de acordo com a crença budista.

Atos idênticos tiveram lugar a nível regional, distrital e local em todo o país, seguidos por milhares de tailandeses vestidos de amarelo, a cor associada ao monarca.

Bhumibol ascendeu ao trono em 1946, após a morte do seu irmão, que foi encontrado morto com uma ferida de bala, mas apenas foi coroado a 05 de maio de 1950, uma semana depois de contrair matrimónio com a rainha Sirikit, prima em segundo grau, segundo uma biografia oficial.

Também chamado Rama IX da dinastia Chakri, é o único rei que a maioria dos tailandeses, que o têm como um ser semidivino e guia da nação, conheceu.

pub