Tiros antecedem abertura das urnas no Equador

por RTP

Foto: Santiago Arcos - Reuters

Na véspera de abertura das urnas no Equador voltaram a ouvir-se tiros. É mais um acto que mancha um processo eleitoral, já marcado pelo assassinato de um dos candidatos.

É num clima de incerteza e de insegurança que mais de treze milhões de equatorianos votam, em eleições antecipadas, para eleger o próximo Presidente do país.
pub