Alegados traficantes vendem louro por haxixe a turistas

| País
Alegados traficantes vendem louro por haxixe a turistas

Foto: Saeed Ali Achakzai - Reuters

É um problema. Nos últimos anos a baixa de Lisboa tem sido o local escolhido por alegados traficantes que tentam vender aos turistas o que deveria ser haxixe, mas é apenas louro prensado.

As autoridades pouco podem fazer, porque louro não é droga e por isso vendê-lo não é crime. Quanto muito os traficantes enganadores arriscam uma contra-ordenação por venda ambulante sem licença.

Mas, como este negócio fraudulento está a dar mau nome a Lisboa, a PSP e a Junta de Freguesia de Santa Maria Maior estão a fazer ações de sensibilização e esta manhã houve mesmo uma manifestação dirigida sobretudo aos turistas.

A informação mais vista

+ Em Foco

O maior campo de refugiados na Europa fica na ilha grega de Lesbos. O campo de Moria alberga quase oito mil pessoas, três vezes mais do que a capacidade instalada. Reportagem RTP.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.