Em Direto
Euro2024. Acompanhe aqui ao minuto o jogo Portugal - Chéquia

Associação Nacional de Sargentos das Forças Armadas favorável a auditoria anunciada pelo Ministério da Defesa

por Antena 1

Filipe Silva - RTP

O ministro Nuno Melo anunciou este sábado que vai pedir uma auditoria a todos os licenciamentos de atividades de comércio e indústria de bens e tecnologias militares, concedidos no Ministério desde 2015. Uma auditoria que a Associação Nacional de Sargentos das Forças Armadas vê com bons olhos.

A auditoria vai ser feita pela Inspeção Geral da Defesa Nacional e acontece depois de terem sido detetadas eventuais irregularidades.

Em declarações à Antena 1, o presidente da Associação Nacional de Sargentos, António Lima Coelho, diz que o importante é que a Defesa Nacional fique livre de qualquer suspeita.

António Lima Coelho afirma que o ministro da Defesa deve ter razões para pedir auditoria a partir de 2015, mas pede que a Defesa não seja uma arma de arremesso entre partidos.
A auditoria começa em 2015, altura em que foi ministro Azeredo Lopes.

Também o o presidente da Iniciativa Liberal classifica como uma decisão prudente e ponderada a decisão do ministro da Defesa Nuno Melo de pedir uma auditoria a todos os licenciamentos de atividades de comércio e indústria de bens e tecnologias militares, desde 2015.

Rui Rocha sublinha que uma das investigações em curso envolve Alberto Coelho, antigo dirigente do CDS-PP, partido que Nuno Melo lidera.


A Antena1 já tentou contactar Azeredo Lopes, sem sucesso, tal como a anterior ministra Helena Carreiras.

Já o antigo ministro da Defesa João Gomes Cravinho prefere não comentar, mas sempre vai lembrando que o Ministério da Defesa Nacional tem toda a legitimidade para fazer as auditorias que entender.
pub