Ativistas do Grupo Climáximo invadiram o Aeródromo de Cascais

por RTP

Pintaram um jato privado e acorrentaram-se ao avião durante largos minutos até à chegada das autoridades. A pista ficou interrompida.

O grupo afirma, em comunicado, que a ação serve para denunciar os voos de luxo e a hipocrisia criminosa dos líderes mundiais que se deslocam à COP28 em transporte privado.

Quatro apoiantes do Grupo Climáximo foram detidos pela PSP.
pub