Estudantes apoiam veto à carne de vaca na Universidade de Coimbra

por Frederico Moreno

A Associação Académica de Coimbra concorda com a retirada da carne de vaca da ementa das cantinas da Universidade.

A decisão foi hoje anunciada pelo reitor, Amílcar Falcão, e  insere-se numa estratégia que tem como objetivo contribuir para a redução da pegada ecológica, "num tempo de emergência climática".

Nesse sentido, a Universidade de Coimbra vai eliminar o consumo de carne de vaca nas cantinas universitárias a partir de janeiro de 2020, o primeiro passo para, até 2030, tornar a UC "a primeira universidade portuguesa neutra em carbono", explicou o reitor na cerimónia de receção aos caloiros.

Ouvido pela Antena1, o presidente dos estudantes, Daniel Azenha, concorda com ainiciativa.