Fim de protesto na Universidade do Porto

por Frederico Moreno

Terminou a ocupação de instalações da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, onde dezenas de estudantes passaram a noite em protesto, exigindo o corte de relações entre a instituição de Ensino Superior e o Estado de Israel.

Depois da chegada da polícia por volta das 7 horas, os manifestantes decidiram sair porque queriam manter os protestos pacíficos, explicou à Antena1 Tomás Nery, porta-voz do movimento.

Devido a este protesto, as aulas da manhã foram canceladas.
pub