Hermínio Loureiro detido

| País

|

A Polícia Judiciária deteve sete pessoas por suspeita de crimes de corrupção, prevaricação, peculato e tráfico de influências. Entre elas está Herminio Loureiro, antigo autarca de Oliveira de Azeméis e o atual presidente Isidro Figueiredo.

"A investigação permitiu até ao momento a obtenção de fortes indícios da existência de relações privilegiadas entre os suspeitos que, ao longo do último ano, têm visado a realização de diversas obras em diferentes localidades, manipulando as regras de contratação pública", refere a Polícia Judiciária em comunicado.

Nesta operação realizaram-se 31 buscas, incluindo cinco camarárias e cinco em clubes locais de futebol, na qual participaram magistrados do Ministério Público e cerca de 90 elementos da Polícia Judiciária.

A Policia Judiciária adianta ainda que os detidos têm idades compreendidas entre os 40 e os 60 anos, sendo um autarca, um ex-autarca, um funcionário camarário e empresários de profissão.

Os detidos serão presentes a um primeiro interrogatório judicial à competente autoridade judiciária para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Fonte da Polícia Judiciária adiantou à agência Lusa que os cinco clubes de futebol que foram alvo de buscas são "todos do concelho de Oliveira de Azeméis".


Tópicos:

Isidro Figueiredo, Oliveira de Azeméis, Polícia Judiciária, corrupção, Hermínio Loureiro,

A informação mais vista

+ Em Foco

Houve aldeias ceifadas e vidas destruídas. O medo viveu ao lado de histórias de heroísmo. Contamos as estórias que agora preenchem dezenas de aldeias esquecidas, muitas pintadas a cinza.

    O incêndio de Pedrógão Grande provocou a morte de 64 pessoas e deixou mais de 200 pessoas feridas. Revisitamos os últimos dias com fotografias e imagens aéreas captadas com recurso a um drone.

      É uma tragédia sem precedentes que vai marcar para sempre o país. O incêndio de Pedrógão Grande fez 64 mortos mais de duas centenas de feridos. Há dezenas de deslocados.

      Nodeirinho é a aldeia mártir do incêndio de Pedrógão Grande. É uma aldeia em ruínas, repleta de casas queimadas e telhados no chão. Um cenário de desolação e dor.