Incêndio no centro comercial Colombo obriga à intervenção dos bombeiros

| País
Incêndio no centro comercial Colombo obriga à intervenção dos bombeiros

A ver: Incêndio no centro comercial Colombo obriga à intervenção dos bombeiros

Um incêndio no centro comercial Colombo obrigou à intervenção dos Bombeiros Sapadores de Lisboa. Foram ativados vários meios mas ao que se sabe não há registo de feridos ou qualquer tipo de danos graves.

O fogo terá começado numa conduta de extração na área da restauração no terceiro piso. Os Bombeiros Sapadores confirmam que foi um pequeno incêndio rapidamente controlado sem necessidade de evacuar o centro comercial.

Testemunhas contam que que o cheiro era muito intenso e que várias pessoas saíram da zona no centro comercial de Lisboa porque estavam a sentir-se intoxicadas.

Nas redes sociais circulam já as imagens de uma coluna de fumo denso a sair do telhado do Colombo.

Entretanto e em comunicado enviado à comunicação social, a administração do complexo comercial  confirma a ocorrência de um foco de incêndio no sistema de exaustão da cozinha do restaurante ‘Frango da Guia’, cerca das 12h15.

No comunicado pode ler-se que "o incêndio foi de imediato detetado, os Bombeiros foram logo chamados ao local, ao mesmo tempo que foi realizada uma primeira intervenção por parte da equipa do Centro para circunscrever o foco. Os Bombeiros compareceram prontamente no local e procederam à extinção do incendio.

Do incêndio apenas resultaram danos materiais, não houve acidentes com pessoas, nem feridos a registar e tudo se circunscreveu ao interior do restaurante, sem qualquer impacto na praça da restauração. Local onde apenas é visível o fumo resultante do incendio.

Sublinhamos que o Centro dispõe de um plano de emergência elaborado e testado em articulação com as entidades competentes e dispõe de uma equipa treinada, bem como dos meios técnicos necessários que funcionaram prontamente nesta situação e tudo se circunscreveu ao espaço interno da cozinha do restaurante.

A Administração do Centro reafirma o seu empenho no escrupuloso cumprimento das normas de segurança vigentes e agradece a pronta intervenção dos Bombeiros. Reafirmamos que o Centro é um espaço seguro, que dispõe de meios técnicos e humanos de forma a garantir o conforto e a segurança de todos aqueles que nos visitam e que aqui trabalham."

A informação mais vista

+ Em Foco

Entre 1999 e 2002 nasceram três novos bairros. Passadas duas décadas, muitos residentes dizem-se abandonados.

Entrevista da correspondente da RTP em França, Rosário Salgueiro.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.