Linha ferroviária do Oeste interrompida após acidente sem feridos

| País

A linha ferroviária do Oeste está interrompida devido a um acidente numa passagem de nível entre Marinha Grande e Leiria que envolveu um comboio de passageiros e um camião, sem registo de feridos, informou a porta-voz da CP.

O acidente, que ocorreu pelas 17:00, envolveu um comboio que transportava 100 pessoas oriundo de Caldas da Rainha e com destino a Coimbra-B, adiantou Ana Portela.

"Neste momento [18:15], a CP está a ver a melhor forma de fazer o transbordo dos passageiros para chegarem ao seu destino", disse a porta-voz da CP.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro de Leiria, ao local acorreram quatro veículos com 11 operacionais, dos Bombeiros Municipais de Leiria, GNR e INEM.

A colisão ocorreu na zona da Quinta do Banco, freguesia da Maceira, concelho de Leiria.

Fonte da GNR adiantou à Lusa que cerca de metade dos passageiros são crianças e jovens.

Tópicos:

Caldas, Socorro,

A informação mais vista

+ Em Foco

O economista guineense Carlos Lopes considera que a Europa tem discutido as migrações e outras questões africanas, sem consultar os africanos.

    A revelação foi feita durante uma entrevista exclusiva à RTP à margem da cimeira de CPLP, que decorreu esta semana em Cabo Verde.

    Em entrevista à RTP, Graça Machel revela que o grande segredo de Nelson Mandela era fazer sentir a cada pessoa com quem falava que era a mais importante.

    Apesar da legislação contra estas situações, os Estados Unidos são dos países que mais importam produtos em risco de serem produzidos através de trabalhos forçados.