Militar da GNR baleado quando fazia patrulha em Alcanena

por Lusa
GNR DR

Um militar da GNR foi hoje ferido por disparos de arma de fogo durante uma patrulha a antigas instalações alvo recente de um furto, em Bugalhos, Alcanena (Santarém), tendo já tido alta, afirmou a corporação.

A Divisão de Comunicação e Relações Públicas da Guarda Nacional Republicana (GNR) afirma que os disparos ocorreram depois de os militares do Destacamento Territorial de Torres Novas, ao serviço do Posto Territorial de Alcanena, terem saído da viatura e detetarem movimentos suspeitos.

"Nesse preciso momento [foram] alvo de disparos de uma arma de fogo, resultando em ferimentos num militar", o qual "foi transportado para unidade hospitalar, já tendo tido alta", lê-se numa nota enviada à Lusa.

A ação de patrulhamento realizou-se na madrugada de hoje nas "imediações de antigas instalações de um estabelecimento comercial que tinha sido alvo de furto recentemente, na localidade de Bugalhos (Alcanena)", acrescenta.

Segundo a GNR, o caso foi entregue à Polícia Judiciária.

Tópicos
pub