Ministra da Saúde garante que a Saúde não será refém de interesses ou pressões

| País
Ministra da Saúde garante que a Saúde não será refém de interesses ou pressões

A ver: Ministra da Saúde garante que a Saúde não será refém de interesses ou pressões

Antes do anúncio da suspensão do acordo por parte da Rede CUF, a Ministra da Saúde garantiu que a saúde não vai andar refém de interesses, posições ou eventuais pressões. Sobre a possibilidade de os utentes dos privados terem de recorrer aos serviços públicos, Marta Temido dizia que o Serviço Nacional de Saúde nunca deixou doentes à porta.

A informação mais vista

+ Em Foco

A Grécia agradeceu a Portugal a solidariedade do país pela disponibilidade de receber mil migrantes e refugiados, atualmente alojados em condições precárias naquele país.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.