Penalização de médicos internos vai empurrar mais profissionais da saúde para o estrangeiro

| País
Penalização de médicos internos vai empurrar mais profissionais da saúde para o estrangeiro

Foto: Reuters

Ordem do Médicos está em total desacordo com a proposta do Ministério da Saúde que visa impedir que os médicos internos que abandonem o interior do país.

A proposta do Ministério prevê que os médicos internos que saiam do interior antes de cumprirem os três anos de serviço após o fim da formação, podem ser impedidos de trabalharem no Serviço Nacional de Saúde durante três anos.

O Bastonário da Ordem do Médicos, Miguel Guimarães diz que se esta medida for para a frente vai empurrar mais médicos para fora do SNS, e muitos deles acabarão por ir para o estrangeiro.

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

Raptos e assassínios de opositores em países estrangeiros, levados a cabo pelos serviços secretos, têm um longo historial.

Logo após a recuperação das armas roubadas, o ex-chefe do Estado-Maior do Exército proibiu a PJ de entrar na base de Santa Margarida.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em novos conteúdos de serviço público que podem ser seguidos na página RTP Europa.

      Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.