Procuradora-geral adjunta aponta "bruma de auto-suficiência totalmente nefasta"

por Rosa Azevedo - Antena 1

Foto: Pedro A. Pina - RTP

Nem tudo vai bem no trabalho desenvolvido pelo Ministério Público, admite uma das procuradoras-gerais adjuntas. Em artigo de opinião no jornal Público, Maria José Fernandes escreve que o desfecho de vários casos já julgados mostra que se impõe rever o trabalho dos procuradores.

O texto de Maria José Fernandes surge numa altura em que a Justiça está a ser questionada devido à Operação Influencer, que acabou por ditar a demissão do primeiro-ministro e a convocação de eleições antecipadas.
pub