Teixeira Duarte quer sair da Lusoponte e vender posição a interesses chineses

| País

O grupo Teixeira Duarte anunciou hoje que negociou a venda da sua participação de 7,5% na Lusoponte com uma empresa chinesa, por 23,3 milhões de euros.

Num comunicado colocado na página da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários na Internet, a posição do grupo na Lusoponte -- Concessionária para a Travessia do Tejo, é titulada por uma sua participada a 100%, a Teixeira Duarte - Engenharia e Construções, S.A.

O contrato-promessa da venda foi feito com a Companhia de Investimento China-Portugal Global, Limitada.

A operação está porém ainda sujeita a autorizações e eventuais exercícios de direitos de preferência.

A informação mais vista

+ Em Foco

É até hoje a mais icónica das aventuras da exploração espacial. Há 50 anos, o Homem chegava à Lua à boleia da NASA. Percorrermos aqui todos os detalhes da missão, dia a dia.

    Pela primeira vez desde que assumiu o mandato, o secretário-Geral da ONU fala abertamente à RTP dos principais conflitos globais.

    Começa a legislatura do Parlamento Europeu saído das últimas eleições. Conheça aqui os eurodeputados portugueses e as suas prioridades.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.