Variante Delta. "Tudo indica que estaremos num processo de transição"

por RTP

A incidência e o índice de transmissibilidade revelam uma tendência crescente em Portugal. E são já 101 os casos da variante Delta, ou indiana, em Portugal. O professor de matemática Óscar Felgueiras analisou na RTP3 esta evolução da pandemia.

"A situação é um pouco diferente do que tínhamos antes, porque neste momento temos a população mais idosa vacinada e isso faz com que as consequências, tanto em termos hospitalares, como em termos de óbitos sejam menores", começou por afirmar o docente universitário.

"No entanto, é um facto que tem havido uma subida sustentada de casos no país, mais concentrada na região de Lisboa e Vale do Tejo, e isso é motivo de atenção e convém tentar ter isso em conta, até porque temos, neste momento, a presença de uma variante que é mais transmissível e que gera alguma preocupação", continuou, referindo-se à agora denominada variante Delta.

"Até agora tínhamos uma predominância da variante Alfa, proveniente do Reino Unido, e tudo indica que estaremos num processo de transição em que essa variante será substituída pela variante Delta, tal como está a acontecer no Reino Unido", acentuou Óscar Felgueiras.
pub