Combate à pobreza e às desigualdades é a nova proposta eleitoral do PS

| Política
Combate à pobreza e às desigualdades é a nova proposta eleitoral do PS

Foto: Rafael Marchante - Reuters

O combate à pobreza, em particular, entre os idosos é uma das bandeiras do Partido Socialista, para a próxima legislatura. O PS começou esta quinta-feira a divulgar algumas das propostas do programa eleitoral.

A proposta do Partido Socialista sobre as desigualdades para a próxima legislatura prevê que o Estado possa assegurar oportunidades iguais para todos.

As condições de vida dos idosos em Portugal é uma das questões a que o Partido Socialista pretender dar atenção. Mas o programa visa também objetivos na área da Educação e na Qualificação.

João Tiago Silveira, responsável pela coordenação do projeto eleitoral do PS, diz que o programa do partido se concentra essencialmente no combate às desigualdades.

O combate às desigualdades sociais é, assim, o primeiro pilar destacado pelo PS, no programa eleitoral, que inclui o aumento do complemento social para idosos, o que representa a diferença entre a pensão atribuída e o valor definido para o limiar de pobreza.

A informação mais vista

+ Em Foco

Foi há 50 anos que o Homem partiu para a Lua. De Cabo Canaveral, nos EUA, seguiram três astronautas para colocar os nomes na história da humanidade.

Ouvido pela RTP, o artista chinês mostra-se convicto de que Hong Kong e Macau não serão, no futuro, controlados pela China.

Começa a legislatura do Parlamento Europeu saído das últimas eleições. Conheça aqui os eurodeputados portugueses e as suas prioridades.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.