Iniciativa Liberal quer ouvir filho de Marcelo no Parlamento

por RTP

Foto: Manuel de Almeida - Lusa

Rui Rocha, presidente da Iniciativa Liberal, anunciou este domingo que vai pedir a audição parlamentar de Nuno Rebelo de Sousa, filho do presidente da República, sobre o caso das gémeas.

O responsável espera que o pedido não seja inviabilizado e lembra o chumbo do PS ao requerimento de audição de Lacerda Sales e Marta Temido, que eram à altura dos acontecimentos secretário de Estado e ministra da Saúde, respetivamente.

"Se este requerimento viesse também a ser chumbado teríamos de concluir que há aqui uma intenção clara, deliberada do PS, de impedir que se esclareça os portugueses", argumenta Rui Rocha.

Rui Rocha considera que é necessário esclarecer se os recursos do SNS "estão a ser bem utilizados, se há ou não favorecimento".
O líder da Iniciativa Liberal lembrou ainda que os goverantes que já não estão no poder devem ser chamados a prestar esclarecimentos caso seja necessário. Recordou os casos de Sérgio Monteiro, Pires de Lima e Matos Fernandes, que foram chamados.

Rui Rocha acusa o PS de usar a maioria absoluta "para impedir o esclarecimento dos portugueses".

Em concreto sobre o caso das gémeas, Rui Rocha salientou que o nome de Nuno Rebelo de Sousa tem sido amplamente citado. "O pior que pode acontecer à democracia portuguesa é perdurar a dúvida sobre o que é que cada uma destas pessoas que têm sido citadas teve de participação neste caso", considerou.

O líder da Iniciativa Liberal lamentou ainda a "enorme nuvem de suspeição que paira sobre este caso". 
pub