Ouvir
Ecos da Ribalta
Em Direto
Ecos da Ribalta João Pereira Bastos

Letras de Canções


The sweet Season / A doce estação

Letra Original:


The sweet Season (Richard Edwardes)

When May is in his prime, then may each heart rejoice.
When May bedecks each branch with green, each bird strains forth his voice,
The lively sap creeps up into the blooming thorn.
The flowers, which cold in prison kept, now laugh the frost to scorn.
All nature's imps triumph while joyful May doth last;
When May is gone, of all the year the pleasanr time is past.

May makes the cheerful hue, May breeds and brings new blood.
May marcheth throughout every limb, May makes the merry mood.
May prieketh tender hearts their warbling notes to tune.
Full strange it is, yet some we see do make their May in June.
Thus things are strangely wrought while joyful May doth last;
Take May in time, when May is gone the pleasant time is past.

All ye that live on earth, and have your May at will
Rejoice in May, as I do now, and use your May with skill.
Use May while that you may, for May hath but his time.
When all the fruit is gone, it is too late the tree to climb.
Your liking and your lust is fresh while May doth last;
When May is gone, of all the year the pleasant time is past.

Tradução para Português:


A doce estação (Richard Edwardes)

Quando Maio está no seu auge, então cada coração pode regozijar-se.
Quando Maio cobre cada ramo com verde, cada ave afina a sua voz,
A vigorosa seiva trepa dentro do espinheiro em flor.
As flores que frias se mantiveram na prisão, agora riem para escarnecer da geada.
Toda a natureza se entusiasma com triunfo enquanto o alegre Maio dura;
Quando Maio passar, o agradável tempo de todo o ano é passado.

Maio produz o alegre matiz, Maio gera e traz novo sangue.
Maio caminha através de cada membro, Maio faz a alegre disposição.
Maio estimula os corações ternos as suas melodiosas notas a cantar.
Completamente estranho é, contudo, vermos alguns fazer do seu Maio Junho.
Deste modo as coisas são estranhamente forjadas enquanto o alegre Maio durar;
Aproveita o mês de Maio, quando Maio passar, o tempo agradável é passado.

Todos vós que viveis na terra e tendes Maio à disposição
Regozijai em Maio, como eu faço agora e usai Maio com mestria.
Usai Maio enquanto puderdes, porque Maio tem apenas o seu tempo.
Quando todo o fruto desaparecer, é demasiado tarde para trepar à árvore.
A tua preferência e a tua alegria são frescas enquanto Maio durar;
Quando Maio passar, o agradável tempo de todo o ano é passado.