Festlip2023 celebra as mulheres

por Lusa
O festival em língua portuguesa começa hoje no Rio de Janeiro FESTLIP Facebook

O Festival das Artes da Língua Portuguesa (Festlip) celebra as mulheres na 15.ª edição, que inicia esta quarta-feira o ciclo de eventos no Rio de Janeiro, incluindo homenagens à atriz Zezé Motta e à escritora Conceição Evaristo.

Teatro, espetáculos, encontros com autores, oficinas, uma produção para crianças e uma mostra "gourmet" dominam a programação da segunda etapa da edição deste ano do festival, que decorre de 29 de novembro a 4 de dezembro, depois da programação apresentada em Lisboa, em maio, que então acompanhou as comemorações do Dia Mundial da Língua Portuguesa.

O espetáculo “O canto das Sereias”, que envolve atrizes de Angola, Brasil, Cabo Verde, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe, é um dos destaques da edição que agora se inicia no Brasil, assim como as atuações da cantora cabo-verdiana Tidy Rodrigues e do músico brasileiro Artur Vidal. A representação portuguesa conta com as companhias Os Improváveis, Teatro Plage, Sillyseason e Teatro Meridional, além da oficina “Icária", de Rui Pina Coelho.

Nas homenagens, a atriz Zezé Motta recebe o Prémio Festlip, dedicado a expoentes das artes nos países de língua portuguesa, e a escritora Conceição Evaristo, autora de “Becos da memória”, recebe o Prémio Elo Festlip, de reconhecimento pela sua obra e projeção internacional.


pub