Galerias de arte voltam hoje a ser palco de inaugurações simultâneas no Porto

por Lusa

O quarteirão de Miguel Bombarda, no Porto, acolhe hoje o primeiro de seis ciclos de inaugurações simultâneas de galerias de arte contemporânea em 2017, a partir das 16:00, num ano que marca o décimo aniversário da iniciativa.

Neste primeiro ciclo participam, ao todo, 17 galerias, espalhadas pelas ruas de Miguel Bombarda, D. Manuel II e Rosário, com mostras individuais e coletivas que vão da pintura à escultura, a artes plásticas e instalações.

O evento é organizado pela associação Bombarda Art District, em parceria com a Câmara do Porto, e junta a apresentação simultânea de novas exposições, nas várias galerias da zona, a visitas guiadas, `performances` e oficinas.

Entre as várias mostras conta-se "A Simple Story", exposição da ilustradora israelita Noa Snir, na Ó! Galeria, "Ambidexter", do italiano Francesco Zavattari, na Galeria Happening, ou ainda "QAXXX(P2)", exposição coletiva com curadoria de Miguel von Hafe Pérez que inclui trabalhos de Fernando Lanhas, Álvaro Lapa, José de Guimarães e Susana Solano, entre outros.

O programa de sábado inclui um conjunto de visitas guiadas por algumas das galerias, bem como a realização de uma oficina de impressões, a cargo da Chapa Azul e da Cooperativa Árvore.

Também o teatro, a dança e a `performance` saem à rua, integradas na programação, com a primeira de seis apresentações do projeto "The Fractal Body", uma combinação de "dança minimal, `performance` e teatro físico", com direção artística de Paulina Almeida.

As datas dos restantes cinco ciclos de apresentação simultânea de novas exposições, em 2017, já estão marcadas: 11 de março, 29 de abril, 17 de junho, 23 de setembro e 11 de novembro, sempre a partir das 16:00.

 

 

pub