Seis realizadores de países lusófonos recebem apoio numa residência artística em Maputo

| Cultura

Seis realizadores de países lusófonos vão participar numa residência artística de 10 dias em Maputo, Moçambique, no âmbito de um projeto de apoio à produção e curtas-metragens, anunciou hoje a organização.

O grupo PALOP-TL que reúne Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste, comemora este ano o 25.º aniversário do Programa de Cooperação com a União Europeia (PALOP-TL/UE).

"Contribuindo para o reforço da identidade comum dos PALOP-TL, a celebração dos 25 anos inclui atividades de natureza cultural e académica", entre as quais um concurso de curtas-metragens.

O júri selecionou os seguintes projetos e jovens cineastas: Mauro Pereira (Angola) - documentário "Percursos"; Samira Vera-Cruz (Cabo Verde), documentário "Hora di bai"; Rui Costa (Guiné-Bissau), documentário "88 Paraísos"; Yara Costa (Moçambique), documentário "Entre eu e Deus"; Kátya Aragão (São Tomé e Príncipe), ficção "Mina Kiá" e Victor de Sousa (Timor-Leste), documentário "Tara bandu".

Os realizadores vão participar numa residência artística de 10 dias, em Maputo, entre 24 de abril e 05 de maio, e receber um fundo de produção de 9.000 euros.

O concurso pretende "apoiar a produção de projetos de curtas-metragens que reforçam o conhecimento sobre a diversidade e semelhanças entre as várias culturas nacionais dos PALOP-TL", no contexto de "uma história e língua oficial comuns".

Ao mesmo tempo, dará espaço para "oportunidades de formação e a promoção de jovens artistas e das suas narrativas", conclui a organização em comunicado.

Tópicos:

Maputo Moçambique, Príncipe, Verde,

A informação mais vista

+ Em Foco

Entrevistada no Telejornal, a ministra da Saúde admitiu que reunir o consenso do PSD "não foi algo que tenha passado pelas preocupações do Governo".

A fronteira entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda continua a ser a maior dor de cabeça interna de Theresa May.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.