Fiscalista considera positiva descida de impostos mas alerta para impacto da inflação

por Antena 1

Lusa

Os escalões do IRS vão ser atualizados em três por cento no próximo ano. As taxas dos primeiros cinco escalões vão baixar.

No entender do fiscalista Tiago Caiado Guerreiro todas as descidas de impostos são positivas, mas considera que o Governo dá com uma mão e tira com a outra e alerta para o impacto da variação da inflação.

Tiago Caiado Guerreiro critica também o fim do IVA zero no cabaz alimentar.


Há também mexidas noutros impostos. O Governo isenta do imposto do selo as operações de fixação da prestação do crédito à habitação durante dois anos.

Avança com uma reforma ambiental do imposto único de circulação até 25 euros para viaturas com matrícula anterior a 2007.
pub