Mais casos de refugiados ucranianos na iminência do despejo

por Frederico Moreno

EPA

O despejo de refugiados ucranianos no Algarve não é um caso isolado. O coordenador da Plataforma de Apoio aos Refugiados diz à Antena1 que estão identificadas outras situações no país, de famílias obrigadas a deixar as casas onde estavam a viver.

No caso do Algarve, as situações identificadas relacionam-se com a chegada da época alta do turismo.

André Costa Jorge confirma que tem sido necessário encontrar soluções de emergência para famílias ucranianas que foram alvo de despejo.
pub