A Guiné Equatorial já faz parte da CPLP

por Natália Carvalho

FOTO: REUTERS/Amr Abdallah Dalsh

Por consenso e sem qualquer votação. A Guiné Equatorial foi aceite como membro de pleno direito da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa mas ao contrário do que era suposto, não houve qualquer tipo de votação.

Teodoro Obiang, presidente do país há 35 anos, ficou satisfeito com a entrada do país na CPLP, um processo que demorou dez anos a concluir.

C/ Ana Laura
pub