Apreendidas quase 10 toneladas de cocaína em Cabo Verde e detidos 11 suspeitos (PJ )

| Mundo

A Polícia Judiciária (PJ) cabo-verdiana anunciou hoje que apreendeu 9.570 quilos de cocaína num cargueiro de bandeira do Panamá que atracou no Porto da Praia e deteve 11 cidadãos russos, na maior apreensão de droga no país.

Em comunicado, a Polícia Judiciária informou que a operação aconteceu na quinta-feira, no Porto da Praia, ilha de Santiago, onde apreendeu 260 fardos (volumes) com um peso bruto de 9.570 quilogramas de cocaína.

Na sequência da operação ESER [nome do cargueiro], a polícia científica cabo-verdiana adiantou que deteve 11 cidadãos, todos de nacionalidade russa, que serão presentes ao tribunal para validação da prisão e aplicação das medidas de coação.

O cargueiro, oriundo da América do Sul, tinha como destino a cidade de Tânger, no norte de Marrocos, prosseguiu a PJ, sublinhando que o barco fez uma escala no Porto da Praia para cumprir os procedimentos legais relacionados com a morte a bordo de um dos tripulantes.

"Todavia, antes, a PJ já estava na posse de informações de que se tratava de uma embarcação suspeita de transportar uma quantidade indeterminada de estupefacientes", lê-se na nota.

A PJ referiu que a operação foi desenvolvida na sequência de um processo de instrução resultante da troca de informação operacional com o MAOC-N (Maritime Analysis and Operations Centre - Narcotics), com sede em Lisboa.

Na operação de busca, descarga, acondicionamento, transporte e guarda do produto apreendido, a PJ informa que contou com a cooperação e suporte técnico da Polícia Judiciária Portuguesa, da Polícia Nacional Francesa, bem como das forças de segurança nacionais, designadamente, as Forças Armadas, Polícia Marítima e ainda a ENAPOR e do Porto da Praia.

A agência Lusa verificou que o barco está atracado no Porto da Praia, vigiado por agentes da Polícia Nacional e pela PJ, que na sua sede, em Achada Grande Frente, tem montado um aparato policial, com restrições para captação de imagens e também para a presença de pessoas.

O cargueiro, com capacidade para 3.800 toneladas de carga, atualmente tinha bandeira do Panamá e segundo informações na internet já teve cinco nomes registados desde a sua construção em 1985.

Esta é a maior quantidade de droga alguma vez apreendida em Cabo Verde.

A maior até agora tinha sido na denominada operação "Lancha Voadora", que, em 2011, resultou na apreensão de uma tonelada e meia de cocaína em estado de elevada pureza escondida na cave de um prédio na cidade da Praia.

No ano passado, na "Operação Zorro", as autoridades cabo-verdianas apreenderam 1.157 quilos de cocaína na ilha de São Vicente, a maior quantidade apreendida na ilha, depois dos 521 quilos no caso "Perla Negra", em novembro de 2014, numas das praias da ilha.

Tópicos:

MAOC N Analysis,

A informação mais vista

+ Em Foco

A ONU alerta para um ano de grande instabilidade e de necessidades maiores por parte da população civil.

Em entrevista à Antena 1, o presidente do PS elogia a chamada "geringonça", mas coloca reservas quanto à hipótese de ter BE e PCP num futuro executivo socialista.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.