Austrália anuncia leilão para projetos de energias renováveis

por Lusa
O ministro Chris Bowen fez o anúncio dos projetos James Gourley - EPA

O governo da Austrália anunciou que irá lançar em maio o maior leilão de sempre no setor das energias renováveis, para desenvolver projetos que possam gerar um total de seis gigawatts de eletricidade.

O ministro das Alterações Climáticas e Energia, Chris Bowen, disse que o leilão inclui um acordo com o estado de Nova Gales do Sul, o mais populoso do país e que tem como capital Sydney, para gerar 2,2 gigawatts de energia e abastecer um milhão de casas.

O leilão irá incluir ainda mais 300 megawatts para o mercado energético do estado da Austrália do Sul, entre outros projetos.

"Estamos a trabalhar para fornecer soluções práticas que mantenham as luzes acesas em residências e empresas usando a forma de energia mais barata e limpa: energias renováveis fiáveis", disse Bowen, num comunicado.

O anúncio faz parte de um plano nacional para impulsionar investimentos na geração de energia limpa, anunciado em novembro, acrescentou o comunicado.

O governo do primeiro-ministro trabalhista Anthony Albanese pretende desenvolver infraestruturas que possam gerar 32 gigawatts de energia limpa em todo o país até 2030, o que representaria 82% do consumo de eletricidade.

A Austrália - um dos países mais poluentes do mundo, se forem incluídas as exportações de combustíveis fósseis - comprometeu-se a reduzir as emissões poluentes em 43% até 2030, em comparação com os níveis de 2005, e a atingir emissões zero em 2050.

 

 

pub