Rajoy culpa independentistas catalães pela violência

por RTP

Mariano Rajoy, presidente do governo espanhol, não reconhece o referendo à auto determinação da Catalunha e sublinha que o estado de direito está em vigor.

Para Rajoy, Espanha é uma democracia madura e tolerante.

Numa declaração ao país e sobre a violência, disse que se assistiram a comportamentos que repugnam qualquer democrata mas imputa a responsabilidade a quem promoveu a ilegalidade.

Garante que Madrid atuou de acordo com a lei.

Rajoy revelou que vai comparecer no congresso para debater esta situação com os outros partidos.
pub