Timorenses convidados a preparar visita do Papa

por Lusa
Francisco deverá visitar Timor-Leste em setembro Vatican Media Handout - EPA

O embaixador do Vaticano em Timor-Leste, Marco Sprizzi, pediu aos timorenses para se preparem para a visita do Papa Francisco, remetendo para sexta-feira mais informações oficiais sobre a deslocação do Sumo Pontífice ao país.

"Encorajamos os fiéis a prepararem-se com alegria e a receberem o Santo Padre na paz e reconciliação", afirmou o monsenhor Marco Sprizzi aos jornalistas após um encontro com o chefe de Estado timorense, José Ramos-Horta.

O diplomata pediu também aos jornalistas para estarem sexta-feira às 9h00 em Lisboa na Câmara Eclesiástica em Díli para "informações especiais" sobre o assunto.

"Vocês sabem que estamos a preparar a visita do Santo Padre e, por isso, ainda não posso dizer muito, mas convidamos todos os jornalistas para amanhã as 17h00 na Câmara Eclesiástica em Lecidere para informações especiais para este assunto", disse o embaixador do Vaticano.

O embaixador voltou a destacar o "esforço extraordinário e excelente" que o governo timorense está a fazer para que "todo o povo possa ver o Papa" e estar perto do "Papa de uma maneira saudável, segura e logisticamente adequada".

O Papa Francisco deverá realizar em setembro uma visita a Timor-Leste, no âmbito de um périplo que fará à região, que poderá incluir também a Indonésia, Papua Nova Guiné, Vietname e Singapura.

Apesar da data da visita continuar por confirmar, o governo timorense já disponibilizou 10,9 milhões de euros para organizar as atividades de preparação da visita do Papa Francisco a Timor-Leste e a missão do Vaticano deve visitar, novamente, o país em junho.

 

 

Tópicos
pub