Acordo entre SIM e Governo vai permitir a médicos ganharem até mais 15%

por Joana Carvalho Reis - Antena 1

Foto: Hush Naidoo Jade Photography - Unsplash

Ao fim de mais de ano e meio de negociações, o Governo chegou a acordo com o Sindicato Independente dos Médicos. Com este entendimento, a partir de janeiro, todos os médicos que trabalham para o Serviço Nacional de Saúde vão ter direito a aumentos salariais entre aproximadamente 11 e 15 por cento.

De fora fica a FNAM, que não aceitou a proposta do Governo. O ministro da Saúde garante que foi o mais longe possível.

O Governo considera que este acordo com os médicos é um passo importante para fortalecer o SNS e que é benéfico para todos.

O Sindicato Independente dos Médicos espera que o próximo Governo possa melhorar as condições deste acordo intercalar, que, para a estrutura, vai trazer mais estabilidade para os utentes do SNS.

Um acordo que foi alcançado depois de uma longa maratona negocial.
pub