Última Hora
Euro2024. Portugal sofre mais vence Chéquia por 2-1

Associação Nacional de Cuidados Continuados teme desperdício de verbas do PRR

por Rita Soares

Nuno Patrício - RTP

A Associação Nacional de Cuidados Continuados receia que os fundos do Plano de Recuperação e Resiliência para a abertura de novas unidades sejam desperdiçados.

O PRR prevê a disponibilização de 5500 novas camas de cuidados continuados, mas o presidente da ANCC, José Bourdain, diz que ainda nenhuma obra está no terreno.

No dia em que a Associação de Administradores Hospitalares apontou para um aumento de 11 por cento no número de internamentos sociais, por falta de respostas fora dos hospitais, José Bourdain contrapõe que, nos últimos anos, o País andou para trás no que toca a cuidados continuados. Assim sendo, a associação pede mais vagas em apoio domiciliário.
pub