Macedo de Cavaleiros confirma buscas e diz estar colaborante

por Lusa

A câmara municipal de Macedo de Cavaleiros emitiu um comunicado em que confirma ter sido alvo de buscas da Polícia Judiciária na operação Gota d`Água e garante estar colaborante com as autoridades.

O município do distrito de Bragança explicou num comunicado emitido hoje ao início da tarde que as buscas foram "no âmbito de um inquérito titulado pelo Ministério Público -- DIAP Regional do Porto, alegadamente relacionado com suspeitas de adulteração de análises de água destinada ao consumo humano".

O executivo liderado por Benjamim Rodrigues (PS) manifestou no mesmo comunicado "total disponibilidade para colaborar com as autoridades, em todas as matérias que sejam entendidas como necessárias para apuramento dos factos".

O município disse não ter esclarecimentos adicionais a prestar atendendo "às restrições processuais decorrentes da fase de inquérito que se encontra em curso".

Também as câmara de Mirandela (PS), Vila Flor (PSD), Mogadouro (PSD) e Alfândega da Fé (PS) confirmaram hoje à Lusa que foram igualmente visadas na operação das autoridades

A PJ/Vila Real anunciou hoje a detenção de 20 pessoas e a realização de 60 buscas a entidades públicas e privadas, no âmbito da operação Gota d`água que investiga a falsificação de análises de água destinada ao consumo humano.

"A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Vila Real com o apoio de outras unidades da PJ, no âmbito de um inquérito titulado pelo Ministério Público - DIAP Regional do Porto, procedeu à realização de 60 buscas domiciliárias e não domiciliárias, que visaram diversos particulares, empresas e entidades públicas sitas em diferentes concelhos do território nacional, designadamente em Aveiro, Braga, Bragança, Coimbra, Guarda, Lisboa, Porto, Vila Real e Viseu", refere a PJ, em comunicado.

O laboratório envolvido pertence à região de Trás-os-Montes, no distrito de Bragança, e pretendia, com aquela alegada prática, ganhos económicos e corresponder aos pedidos dos clientes, adiantou hoje a PJ/Vila Real.

Tópicos
pub