Maiorias das universidades não vê ilegalidade nas praxes

| País
Maiorias das universidades não vê ilegalidade nas praxes

Foto: Direitos Reservados

Um estudo apresentado esta segunda-feira sobre as praxes académicas conclui que as instituições de ensino avalizam estas práticas.

O estudo A praxe como Fenómeno Social, elaborado por uma equipa de investigadores de Lisboa, Porto e Coimbra, refere que muitas das instituições de Ensino Superior autorizam as praxes nas próprias instalações.

Para os autores do trabalho, é preciso rever os regulamentos e criar uma linha de apoio a eventuais vítimas, encaminhando depois estes casos para as entidades judiciais.

A informação mais vista

+ Em Foco

O maior campo de refugiados na Europa fica na ilha grega de Lesbos. O campo de Moria alberga quase oito mil pessoas, três vezes mais do que a capacidade instalada. Reportagem RTP.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.