Em direto
Operação "Promessa Honesta". As ondas de choque do ataque do Irão a Israel

Marinheiros que recusaram missão já abandonaram navio Mondego

por RTP

Os 13 marinheiros que se recusaram a cumprir a missão do navio da Armada Mondego já o abandonaram. Saíram depois de uma reunião com o almirante Gouveia e Melo.

No Funchal, o chefe do Estado-Maior da Armada relembrou que a "marinha não pode esquecer, ignorar ou perdoar atos de indisciplina".

A RTP apurou que os militares vão ser ouvidos pela Polícia Judiciária Militar na próxima segunda-feira.
pub