Governo escondeu 490 milhões de euros em benefícios fiscais

por RTP

Uma auditoria do Tribunal de Contas conclui que o governo escondeu 490 milhões em benefícios fiscais em 2013.

Em, causa estão sobretudo despesas de IRC, IVA, impostos de circulação e de selo, que as Finanças não contabilizaram.

O Tribunal liderado por Oliveira Martins recomenda ao Fisco que aja em coerência com o que exige ao contribuinte.