CNE considera "infundadas" reclamações da UNITA

| Mundo

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) de Angola anunciou hoje em Luanda que considera "infundadas" as reclamações da UNITA e apelou ao partido para que colabore para que o processo eleitoral decorra com toda a normalidade.

O anúncio foi feito pela porta-voz da CNR, Júlia Ferreira, após cerca de cinco horas de reunião para discutir queixas do principal partido da oposição angolana sobre os preparativos para as eleições gerais marcadas para 31 de agosto.

Esta decisão da CNE abre caminho à "manifestação popular" de protesto, convocada pela UNITA contra o que considera ser a organização do escrutínio "à margem da lei".

A manifestação, prevista para sábado na capital angolana, realizar-se-á seis dias antes da votação.

Tópicos:

CNR Júlia,

A informação mais vista

+ Em Foco

Parmjit Singh confessa que não percebe por que razão foi detido pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras depois de ter exibido o titulo de refugiado.

Um grupo de astrónomos disse ter conseguido ouvir e gravar o som de dois buracos negros a colidirem a mil milhões de anos-luz de distância, produzindo ondas gravitacionais.

    A Antena1 e o site da RTP visitam Melo, no concelho de Gouveia. Reportagem multimédia, entrevistas com especialistas e as palavras de Vergílio Ferreira nos arquivos da Antena 1 e da RTP.

      A 9 de Março de 2016 completam-se 100 anos sobre o início da beligerância portuguesa. Uma data que a RTP começa desde já a assinalar.