ONU começa a retirar pessoal da Birmânia devido aos confrontos religiosos

| Mundo

A ONU anunciou hoje ter iniciado a retirada do pessoal internacional de algumas áreas da Birmânia afetadas por violentos confrontos entre budistas e muçulmanos que levaram, no domingo, à declaração do estado de emergência em Rakhine.

De acordo com o representante da ONU em Rangum, Ashok Nigam, cerca de 44 funcionários da organização e as respetivas famílias estão a deixar Maungdaw, no Estado de Rakhine, na fronteira com o Bangladesh, onde a violência já causou, pelo menos, sete mortos.

Tópicos:

ONU, Rangum,

A informação mais vista

+ Em Foco

Há muitas perguntas no caminho e muitas respostas que só o caminho pode dar. Pela Última Vez - Histórias sobre o fim que não acaba é o título de uma grande reportagem de Isabel Meira para a rádio pública.

Um atentado suicida em Manchester provocou 22 mortos e 59 feridos. A explosão decorreu no final de um concerto da digressão de Ariana Grande Dangerous Woman Tour.

    Salvador Sobral em entrevista a Maria Flor Pedroso da Antena 1

    O responsável pelo arranjo da música que venceu o festival da Eurovisão é de Coimbra. Luís Figueiredo é pianista, compositor de jazz e docente na Universidade de Aveiro.