Pedaços de míssil russo entre os destroços do voo da Malásia MH17

| Mundo

Militante separatista russo guarda pedaços do aparelho da Malaisia Airlines abatido em julho de 2014 nos céus da Ucrânia
|

A equipa de procuradores e de especialistas responsáveis pela investigação internacional à queda do voo MH17 encontrou, entre os destroços, pedaços que podem ser de um míssil Buk de fabrico russo.

Em comunicado, o Gabinete holandês para a Segurança, encarregue da investigação criminal às causas da catástrofe, afirma que os investigadores identificaram "certos elementos que podem ser originários de um sistema de míssil terra-ar do tipo Buk".

Os mísseis Buk começaram a ser desenvolvidos pela União Soviética mas a sua produção e aperfeiçoamento têm prosseguido na Federação Russa.

O sistema de mísseis Buk inclui as quatro componentes principais, como radares de captação e de alvo, um elemento de comando, lançadores de mísseis e um elemento logístico, montados num veículo. A mobilidade do sistema permite a sua relocalização rápida tornando difícil a sua deteção.

Os rebeldes ucranianos pró-russos, alegadamente apetrechados pelas forças militares russas, são os principais suspeitos do abate do avião da Malaysia Airlines, que terão confundido com um caça ucraniano.

O voo MH17 despenhou-se em julho de 2014 em Donetsk, território controlado pelos rebeldes pró-russos no leste da Ucrânia. Morreram 298 pessoas, na maioria cidadãos holandeses.

Tópicos:

MH17, Ucrânia, Buk,

A informação mais vista

+ Em Foco

A Festa dos Tabuleiros regressa às ruas da cidade de Tomar. Um longo desfile em que 750 tabuleiros são transportados por mulheres.

    Os líderes europeus não chegaram a acordo sobre quem deve liderar a União nos próximos cinco anos.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.