Buscas na Quinta da Gregoça à procura do suspeito dos crimes de Aguiar da Beira

| País

A GNR está a realizar hoje buscas na Quinta da Gregoça, concelho de Sabrosa, distrito de Vila Real, porque seria um lugar frequentado pelo suspeito dos crimes de Aguiar da Beira, apurou a Lusa no local.

As buscas terão começado ao início da tarde de hoje e os jornalistas conseguem observar algumas diligências policiais no terreno, mas só à distância, porque existe um perímetro de segurança naquela zona, na qual é interdita a passagem dos repórteres.

A Quinta da Gregoça está a ser alvo de buscas, porque, ao que a Lusa conseguiu perceber no local, seria um lugar frequentado pelo alegado homicida, que comprava cavalos aos proprietários daquela quinta, com quem tinha uma relação de amizade.

Os proprietários da Quinta da Gregoça estão a acompanhar as buscas policiais à distância, mas não quiseram, ainda, falar com a comunicação social.

A GNR mantém um dispositivo no terreno para tentar deter o suspeito dos crimes de Aguiar da Beira, centrando atenções na zona de Vila Real, avançou hoje à Lusa o responsável pelas relações públicas da GNR, major Marco Cruz.

O homem procurado hoje na Quinta da Gregoça é suspeito de matar um militar e um civil, em Aguiar da Beira, distrito da Guarda, além de ter causado ferimentos a outras duas pessoas, uma delas também militar da GNR, e tem sido procurado pela GNR e pela Polícia Judiciária desde o dia 11, data dos primeiros acontecimentos.

Na fuga, o homem terá sido já localizado em Arouca, distrito de Aveiro, de onde será natural, e na zona de São Pedro do Sul, onde um militar da GNR se terá baleado a si próprio, numa queda.

No domingo, uma patrulha da GNR também terá localizado o suspeito, em Vila Real, mas o homem acabou por conseguir novamente fugir.

Na segunda-feira, ao final da tarde, junto à aldeia de Carro Queimado, foi encontrada a viatura que o homem terá roubado em Arouca para se deslocar até Vila Real.

Em Arouca, o homem também terá sequestrado duas pessoas, causando-lhes igualmente alguns ferimentos.

Tópicos:

Aguiar,

A informação mais vista

+ Em Foco

Ao longo desta semana, há vozes com sotaque de Nações Unidas para ouvir na Antena 1 e no site da RTP. Testemunhos de estrangeiros em Portugal recolhidos a poucos dias de António Guterres assumir a liderança da ONU.

    Nasceu em 1951 e já foi um local com uma vida própria e entusiasmante nos arredores de Cascais. Ao longo dos anos, o Edifício Cruzeiro foi-se degradando. Agora terá nova vida.

      Um velho enigma pode estar explicado: por que continua a ilha de Santa Maria a erguer-se acima do nível do mar? Ricardo Ramalho resume para o site da RTP a investigação mais recente.

        Uma rubrica do site da RTP e do Jornal 2 dentro do contexto evocativo do centenário da Grande Guerra. Emitida todas as segundas-feiras.