S. João da Madeira em eleições para escolher nova Câmara a 24 de janeiro

| País

O Diário da República publica hoje um despacho do secretário de Estado da Administração Local que marca para 24 de janeiro de 2016 as eleições autárquicas intercalares para a Câmara Municipal de S. João da Madeira.

A decisão surge no seguimento da "renúncia ao mandato da totalidade dos membros efetivos e suplentes da lista mais votada [a do PSD] à Câmara" nas eleições de 2013, o que se verificou na passada quarta-feira.

O despacho do secretário de Estado António Leitão Amaro atribui assim a marcação do novo ato eleitoral ao facto de que, com a referida renúncia, "ficou esgotada a possibilidade de substituição do presidente da Câmara Municipal, prevista no artigo 70.º da Lei N.º 169/99, de 18 se setembro, na redação que lhe foi dada pela Lei Orgânica 1/2011, de 30 de novembro".

Tópicos:

Câa, N º, Orgânica, PSD],

A informação mais vista

+ Em Foco

A revelação foi feita durante uma entrevista exclusiva à RTP à margem da cimeira de CPLP, que decorreu esta semana em Cabo Verde.

Em entrevista à RTP, Graça Machel revela que o grande segredo de Nelson Mandela era fazer sentir a cada pessoa com quem falava que era a mais importante.

O economista guineense Carlos Lopes, em entrevista à RTP, considera que a Europa tem discutido as migrações e outras questões africanas, sem consultar os africanos.

    Apesar da legislação contra estas situações, os Estados Unidos são dos países que mais importam produtos em risco de serem produzidos através de trabalhos forçados.