Boris Godunov na Ópera De Paris

03 Out. 2020

Em 1824, quando Pushkin se inspirou em Boris Godunov para o seu primeiro drama histórico sabia bem o grande titã que enfrentava. Foi munido da leitura de Shakespeare que combinou as suas habilidades com o deslumbrante reinado do Czar da Rússia (1598-1605). De facto, há elementos de Macbeth nesta fábula política, onde Boris vê surgir, na forma de um impostor, o fantasma da criança que mandou matar para conquistar o trono. Adaptando este poema épico, Mussorgski compôs uma meditação sobre a solidão do poder, um drama popular no qual o verdadeiro protagonista é o povo russo com o seu fardo de eterno sofredor. Pushkin já se tinha questionada, "O que é a alma? Uma melodia, talvez?". O encenador belga Ivo Van Hove, familiarizado com os grandes cenários políticos, tendo já encenado "Tragédies Romaines" e "Kings of War" baseadas em peças de Shakespeare, assina a sua primeira produção para a Ópera de Paris.

Play - Boris Godunov na Ópera De Paris
2h 22m

Artes e Cultura - Ópera

Todos

duração total 2h 22m
posição atual:
ir para o minuto:

Instale a aplicação RTP Palco

Disponível para iOS e Android.