Cartas Portuguesas

08 Nov. 2020

Depois de ter partido das cartas trocadas entre D. Pedro I e a Marquesa de Santos para compor "Domitila", o compositor brasileiro João Guilherme Ripper volta a basear-se em relações epistolares para criar uma ópera curta, desta vez inspirada na correspondência amorosa de Sóror Mariana Alcoforado, freira num convento em Beja, cujas cartas de amor para o seu amante, um oficial francês, causaram grande escândalo no século XVII aquando da sua publicação. Sob a direção do maestro finlandês Hannu Lintu, que dirigirá também o seu tributo a Beethoven com a Sinfonia Nº2, a soprano Carla Caramujo é solista na estreia nacional de "Cartas Portuguesas", uma obra encomendada no âmbito da parceria estabelecida entre a Gulbenkian Música e a Orquestra Sinfónica do Estado de São Paulo.

Play - Cartas Portuguesas
44m

Artes e Cultura

Todos

Programa:
João Guilherme Ripper Cartas Portuguesas (estreia em Portugal. Encomenda no âmbito SP-LX ? Música contemporânea do Brasil e de Portugal)
Ludwig van Beethoven Sinfonia Nº2 em ré maior, Op.36

Carla Caramujo (Soprano)
Claire Santos, Maria José Conceição e Sara Afonso (Soprano - Coro Gulbenkian)
Orquestra Gulbenkian
Direção do maestro Hannu Lintu

Encenação: Jorge Takla
Reposição da Encenação em Lisboa: Otelo Lapa

duração total 44m
posição atual:
ir para o minuto:

Instale a aplicação RTP Palco

Disponível para iOS e Android.