Empresas exportadoras reviram em baixa perspetivas de crescimento das exportações para 4%

| Economia

As empresas exportadoras de bens reviram em baixa as perspetivas de crescimento nominal das suas exportações em 2019 para 4%, segundo dados hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

A confirmarem-se estas expectativas, segundo o INE, deverá registar-se uma desaceleração das exportações relativamente a 2018, ano em que as exportações aumentaram 5,3%.

Em janeiro, numa primeira previsão, com base num inquérito feito em novembro de 2018, as empresas exportadoras tinham perspetivado um aumento nominal de 4,3% nas exportações de bens em 2019, face a 2018.

"A revisão resultou principalmente das perspetivas das pequenas e médias empresas, que apontaram como principais motivos para essa revisão em baixa, o pior comportamento que o esperado na generalidade dos mercados de destino já clientes e em mercados específicos", explica o INE.

Segundo os dados hoje divulgados, as empresas esperam agora um aumento de 4,2% nas exportações Intra-UE (União Europeia), contra os 4,4% previstos em janeiro, e para os mercados Extra-UE as perspetivas apontam para um aumento de 3,4%, face aos 3,2% previstos em janeiro.

De acordo com o INE, com base no Inquérito sobre Perspetivas de Exportação de Bens, realizado em maio e correspondentes à segunda previsão das empresas para a evolução esperada das exportações de bens em 2019, excluindo os combustíveis e lubrificantes, as perspetivas reveladas pelas empresas indicam também um crescimento de 4% no total do Comércio internacional, 3,5% no Comércio Extra-UE e 4,2% no Comércio Intra-UE.

De acordo ainda com o INE, a revisão em baixa no comércio internacional resulta da atualização das expectativas das exportações para a UE (de menos 0,4 pontos percentuais para uma variação de 4,2%), sobretudo nas categorias Máquinas e outros bens de capital (exceto o material de transporte) e seus acessórios e Bens de consumo não especificados noutra categoria.

As perspetivas em relação às exportações Extra-UE aumentaram 0,2 pontos percentuais (para um crescimento de 3,4%), essencialmente devido à evolução da categoria material de transporte e acessórios, acrescenta.

Por grandes categorias económicas destacam-se as perspetivas de aumento das exportações de material de transporte e acessórios, tanto para países Extra-UE como para países Intra-UE (mais 14,1% e mais 6,8%, respetivamente), sinaliza o instituto.

Tópicos:

Intra, Perspetivas Exportação,

A informação mais vista

+ Em Foco

É até hoje a mais icónica das aventuras da exploração espacial. Há 50 anos, o Homem chegava à Lua à boleia da NASA. Percorrermos aqui todos os detalhes da missão, dia a dia.

    O programa Artemis, da NASA, tem como objetivo regressar ao satélite natural da Terra e, simultaneamente, preparar a viagem a Marte.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.