Eleições desgastam trabalhistas e liberais democratas

por Mário Antunes, enviado especial a Londres

Foto: Facundo Arrizabalaga/EPA

Os dois partidos vão demorar até reencontrar uma liderança forte, que permita também conquistar a confiança dos eleitores.

Os trabalhistas e os liberais democratas foram os grandes derrotados das eleições para a Câmara dos Comuns no Reino Unido.

No caso dos liberais ficaram reduzidos a oito deputados e perderam influência em áreas onde eram maioritários.

O líder do eurocético Partido para a Independência do Reino Unido (UKIP) também não obteve o resultado desejado e não foi sequer eleito para o parlamento. Nigel Farage perdeu o lugar para os conservadores e demitiu-se.

(com Sandra Henriques)